domingo, 12 de janeiro de 2020

War Dogs - Die by My Sword (2020) Espanha


Die By My Sword é o álbum de estreia da banda espanhola de Heavy Metal, War Dogs. War Dogs definitivamente têm um sabor NWOBHM neste lançamento e citam bandas clássicas como Judas Priest e Iron Maiden entre as suas influências. As duas primeiras faixas lançadas são a faixa-título, "Die By My Sword", e "The Shark (com Bryan" Hellroadie "Patrick)". Durante a primeira metade de 2019, War Dogs gravou Die by My Swordno Blackstage Studios, em Alicante, e depois foi mixado na Suécia por Olof Wikstand, dos Enforcer. A música "The Shark" é uma homenagem a Mark Sheldon (rip) dos Manilla Road e também apresenta a colaboração do atual vocalista da banda Bryan Patrick. No geral, o disco é bom. A produção realmente tem um sabor vintage, muito seca e crua. Die By My Sword poderia ter sido um disco com uma sonoridade muito maior, mas a escolha de deixá-lo cru pode atrair os fãs da velha escola NWOBHM. Apesar de alguns pontos desleixados aqui e ali, o material é bastante sólido. A maioria das músicas, como Master Of Revenge, Kill The Past ou Castle Of Pain, começa com riffs nítidos e bateria trovejante, e então começa as corridas com linhas de guitarra forte e solos generosos. Ready To Strike é um speed metal puro com um ritmo tremendo. Com o Gorgon Eyes, começam a tocar bateria antes de pular para um metal mais galopante. Com essas coisas, só posso acrescentar que, se gostas de clássico heavy metal, com trabalhos fortes de guitarra e solos ambiciosos, vais apreciar War Dogs e o seu álbum de estreia, Die By My Sword.





Temas:
01. Die by My Sword
02. Castle of Pain
03. Wings of Fire\
04. Master of Revenge
05. Kill the Past
06. Ready to Strike
07. The Shark
08. The Lights are On
09. Gorgon Eyes
10. Wrath of Theseus
Banda:
Manuel Molina - Bass
Jose V. Aldeguer - Drums
Eduardo Anton - Guitars (lead)
Enrique Mas - Guitars (rhythm)
Alberto Rodriguez - Vocals





Sem comentários:

Publicar um comentário