terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Northern Kings - Reborn (2007) Finlândia


Hora da confissão: "Hello", de Lionel Richie, e "Brothers In Arms", Dire Straits, são duas das minhas músicas lentas favoritas de todos os tempos. Adicione outros clássicos, como: "We Don't Need Another Hero" (Tina Turner), "Broken Wings" (Mr.Mister), "I Just Died In Your Arms" (Cutting Crew), "Rebel Yell" (Billy Idol), "Ashes To Ashes" (David Bowie), "Sledgehammer" (Peter Gabriel), "Don't Bring Me Down" (ELO), "In The Air Tonight" (Phil Collins), "Creep" (Radiohead), e tu entenderás rapidamente por que acho esse projeto de covers algo fora do comum.
Northern Kings é um projeto de metal finlandês (o que mais?) Com os quatro cavaleiros e vocalistas principais: Tony Kakko (Sonata Arctica), Marco Hietiela (Nightwish, Tarot), JP Leppäluoto (Charon) e J.Ahola (Teräsbetoni). A última é uma experiência nova, pois sua banda principal toca metal cantado apenas em finlandês e eu não entendo uma palavra da língua deles. Ele é um daqueles vocalistas que conseguem atingir notas realmente altas e, o mais importante, não há sotaque grosso e oriental a ser encontrado.
A melodia final de Sopranos, "Don't Stop Believin", agora reorganizada num tipo de música Stratovarius vs. Journey com ... acredite ou não, ainda mais teclas bombásticas do que o original, funciona bem, mesmo se houver nenhuma repetição real da linha de título. "We Don't Need Another Hero" é agora o bombástico score de filme de metal no seu melhor (eat your heart out Rhapsody). "Broken Wings" é uma versão levemente reforçada que ainda soa muito estilo AOR.
"Rebel Yell" é talvez a música que mais voltou a ser trabalhada, já que agora é mais Type O'Negative do que Idol (ótimas coisas). "I Just Died In Your Arms" foi gravado soberbamente sem perder sua fórmula original e "Sledgehammer" vai te bater na cabeça como um ... ehh ... Sledgehammer? Um arrepio avisa durante "Hello" e isso provará, de uma vez por todas, que uma ótima música é sempre ótima, não importa o quê.
Veredicto final: claro, são apenas um monte de covers antigos e músicas dos anos 80. No entanto, o re-arranjo e o material re-trabalhado tornarão isso totalmente novo e divertido. Eu prefiro os originais? na maioria dos casos, sim, com certeza, mas é exatamente como gravar um álbum de covers no ano de 2007. O pop se torna Metal e vice-versa = sucesso. Recomendado ... e é a primeira vez que se trata de covers.





Temas:
01 - Don't Stop Believin - Original: Journey
02 - We Don't Need Another Hero - Original: Tina Turner
03 - Broken Wings - Original: Mr. Mister
04 - Rebel Yell - Original: Billy Idol
05 - Ashes to Ashes - Original: David Bowie
06 - Fallen On Hard Times - Original: Jethro Tull
07 - I Just Die in Your Arms - Original: Cutting Crew
08 - Sledgehammer - Original: Peter Gabriel
09 - Don't Bring Me Down - Original: Electric Light Orchestra
10 - In The Air Tonight - Original: Phil Collins
11 - Creep - Original : Radiohead
12 - Hello - Original: Lionel Richie
13 - Brothers in Arms - Original: Dire Straits
Vocalistas:
Tony Kakko (Sonata Arctica)
Marco Hietiela (Nightwish, Tarot)
JP Leppäluoto (Charon)
J.Ahola (Teräsbetoni)








Sem comentários:

Publicar um comentário