sábado, 31 de outubro de 2020

Wildness - Ultimate Demise (2020)Suécia

Wildness foi originalmente planeado para ser um projeto de estúdio do baterista e compositor Erik Modin, mas junto com os guitarristas Adam Holmström e Pontus Sköld e o vocalista Gabriel Lindmark, o projeto se desenvolveu numa banda real em 2014. No primeiro ano, Wildness se apresentou ao vivo com vários músicos tocando baixo antes do baixista Marcus Sjösund ingressar em 2016 e a formação dos Wildness estava completa. A banda sueca começou a ensaiar e se apresentar ao vivo diligentemente e em setembro de 2015 e janeiro de 2016 os singles digitais e produzidos por eles mesmos "Collide" e "Turning The Pages" foram lançados. Após o segundo single, a banda entrou em contato com a gravadora AOR Heaven e conseguiu um contrato de gravação com Georg Siegl. A banda gravou seu álbum de estreia em 2016 e 2017 com a ajuda do mentor Erik Wigelius, que cuidou da produção, mixagem e masterização do álbum. O álbum de estreia homônimo foi lançado em 24 de novembro de 2017 e imediatamente se tornou um grande sucesso internacional entre os fãs de melódico rock. Em 2018, a banda apresentou se em vários festivais internacionais e dividiu palcos com artistas conhecidos como Dokken, Heat, Dee Snider, Crashdïet, DragonForce, Arch Enemy, Warrant, Vixen e outros e também teve a honra de abrir para Pretty Maids, entre outros. Em 2019, a banda juntou forças com a Scream & Shout Music Agency para gerenciamento e reservas e começou a trabalhar na sequência de seu aclamado álbum de estreia. No entanto, o processo foi interrompido quando o vocalista Gabriel Lindmark deixou Wildness no outono de 2019 devido a desentendimentos musicais. Depois de continuar trabalhando no segundo álbum durante o resto de 2019, 
Fonte: AOR Heaven

 

Тemas:

01. Call Of The Wild
02. Die Young
03. Nowhere Land
04. Cold Words
05. Renegades Of Love
06. Falling Into Pieces
07. Burning It Down
08. My Hideaway
09.
Denial
10. Borderline
11. The Ultimate Demise

Banda:

Erik Forsberg - Vocals
Adam Holmstrom - Guitars, vocals
Pontus Skold - Guitars, vocals
Marcus Sjosund - Bass, vocals
Erik Modin - Drums, vocals





Sem comentários:

Publicar um comentário